Querida, eu serei a propagadora da notícia que ninguém quer te dar: ele não gosta de você. É verdade, ele realmente não gosta de você, apenas gosta do seu jeito divertido, parceiro e tranquilo. Ele não foge de você porque sente falta do teu sexo, de como ele corresponde ao teu toque inconsciente, do quanto vocês se encaixam bem, de você arranhar ele na medida certa, do seu cheiro, do cheiro de vocês.

Ele não gosta de você. Mas ele gosta de te encontrar desprevenida, de qualquer jeito, em qualquer festa de começo de verão. O único que ele gosta é do teu jeito de não conseguir dizer não, de não se importar com o lugar, com as pessoas, com o momento. Ele não gosta de você, ele gosta de como você topa as aventuras e brincadeiras dele.

Além disso, ele realmente não se importa. Se ele tiver que escolher entre olhar pra você ou para o reflexo dele no espelho, eu tenho minhas dúvidas de qual seria a escolha dele… Cuidado, ele só te procura quando precisa. Mas não é bom que vocês precisem da mesma coisa? Não é bom que vocês busquem apenas satisfação?

Querida ele não gosta de você

Então serei eu a te dizer novamente algo desagradável. A tua satisfação é muito além de orgasmos múltiplos por sábado à noite. Você o quer além da cama. E a satisfação dele não passa da cama – ou até passa, dependendo de onde vocês estiverem. Então não te cobra tá querida? Porque sim, eu vou jogar na tua cara quantas vezes for preciso: ele não gosta de você e sim do que você dá pra ele.

O que tem ali bipando o dia todo não é a verdade e muito menos sentimento, é uma carência e um drama em forma de celular. Mas acredite: a única coisa em comum entre vocês são os lençóis. E quando eles esfriarem? E quando você acordar queimando de tesão e ele não estiver ali? Não aceite quando ele falar que isso jamais aconteceria. Ou pelo menos questione onde ele se enfia quando não é em você.

O que fica é a abstinência de ambas as partes, eu sei. De qualquer maneira você é superior a tudo isso. Então espere sentada querida, mas em cima de outro. Por que não, ele não gosta de você.

Aquela que fez da escrita o próprio divã. Crítica da vida alheia nas horas vagas. Curte um bom texto, vinho e jogar conversa fora. É viciada em paçoca e risadas. Tem coração bobo, cabelo pintado e desastres acumulados na cozinha. Atualmente mora em Sydney - Austrália.

13 comments on “Querida, ele não gosta de você (+18)”

  1. “É verdade, ele realmente não gosta de você, apenas gosta do seu jeito divertido, parceiro e tranquilo.”

    Como isso me doi! Por que eu sou divertida, legal, inteligente mas não o suficiente para ele? Tá foda…

  2. Meu Deus, esse é muito forte hein!!!!!!
    Ainda não tinha lido, o coração ficou do tamanho de uma azeitona, acho que a maioria das mulheres já passou por isso neh, mas olho pro futuro e viro a página porque agora quem não gosta dele sou eu!!!! Hahahahahahaha

  3. Passando exatamente por isso. E pensar que já fui aconselhada por uma amiga várias vezes e neguei porque acreditava no que eu queria enxergar. Mas a verdade sempre esteve escancarada, ele não me queria pra nada além de prazeres. Não me enxergava como pessoa, mas só pra isso. É bom ler textos assim e pensar sobre tudo que foi vivenciado. Só resta aprendizagem e a espera por alguém melhor.

    • Oii Juliana, seja bem vinda ao blog. Todas as nossas vivencias so podem nos levar a ir pra frente. Fico feliz que isso ja passou para voce. Vamos nos apegar em sentimentos e nao prazer. Obrigada por participar do blog. Beijo grande

  4. Simplesmente um choque de realidade!
    Li esse texto no dia certo, terminando de ler apenas exclui o telefone dele e senti a alma mais leve! Como se tivesse tirado um peso!

  5. Olá estava a procura de respostas e você foi tão assertiva nas palavras no comportamento e nas palavras ditas por ele próprio que Meu Deus, meu mundo caiu agora!!! Como pode uma pessoa se envolver e não….senhor não consigo me entrego sempre (ariana) e só faço papel de trouxa, sempre sempre…sou eu que saio de coração partido, destruído mesmo…pois me entrego de um jeito, mas Agradeço mesmo ao mesmo tempo que doeram e muito (chorei rios aqui, rs) me abriram a mente! Obrigada Adorei seu Blog já é a minha leitura preferida seus textos são incríveis e reveladores, mais uma leitora admiradora. S2

    • Olá Jéssica, seja bem vinda ao blog. Fiquei muito feliz pelo seu carinho e por você gostar do blog e dos meus textos. Espero que esse emu texto te ajude a enxergar as coisas fora da nossa entrega habitual. Não é errado se entregar, mas escolha bem. Obrigada pelo carinho. =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *